Arquivo da tag: #AtaqueRiocentro

30 ANOS DO ATENTADO TERRORISTA DO RIOCENTRO.

Em 30 de abril de 1981 foi organizada no Palco do RioCentro uma série de shows populares para homenagear o Dia do Trabalho. Vários artistas revezavam-se no palco, até que por volta das 23 horas uma explosão no estacionamento mudou o foco de atenção do público.

Vivíamos, no Brasil, o fim da Ditadura Militar imposta desde 1964. Passávamos pelo processo de abertura política, no entanto, a direita radical ligada a setores conservadores da sociedade e a alas das forças armadas contrários ao fim do regime ditatorial promovia inúmeros pequenos atentados, e o ataque do RioCentro seria o ápice deste movimento, que praticado pela direita conservadora, procurava incriminar os setores progressistas da sociedade e inibir o Governo Figueiredo de avançar na abertura e impedir a transferência do poder para um civil.

A imperícia de um sargento e um capitão do exército colocou tudo a perder para os radicais conservadores, pois devido à manipulação equivocada dos explosivos, foi no estacionamento, e não no interior do centro de convenções que a bomba foi detonada, matando o sargento e ferindo o capitão.

Por mais que o Governo Militar tentasse disfarçar os reais autores do atentado, ficou evidente o envolvimento das forças armadas no evento, e o tiro virou contra a culatra, que ao invés de inibir a abertura política, deu capilaridade ao movimento pelo fim dos governos militares. O Inquérito policial da época isentou os militares de culpa, sumiu com provas do acontecimento, para tentar encobrir às causas. Anos mais tarde, um novo inquérito, agora militar, culpou os dois militares envolvidos no atentado, porém não sofreram penas, pois foram enquadrados na Lei de Anistia, de 1978.